Saúde e Medicamentos

Saúde AnimalPerguntas/Respostas 

Perguntas e Respostas

Nesta página, poderão encontrar as respostas às questões que foram colocadas, via livro de visitas e correio eletrónico.

Respondi às questões num ponto de vista farmacêutico, fazendo um diagnóstico de situação e procurando aconselhar como se fosse um atendimento personalizado na farmácia.

09-12-2011

Boa tarde, como vi que no seu site responde a perguntas, e a dúvidas. eu gostaria de saber qual a melhor pílula para que os pelos diminuam. Já tomei a diane, e estava a resultar, mas andava sempre enjoada e a vomitar, mudei à pouco para a yasminelle, mas não vejo resultados... agradeço a sua resposta :)

R:

A Diane 35 (Acetato de Ciproterona + Etinilestradiol) é de entre as pílulas que já tomou a mais indicada para combater o hirsutismo (presença de pelos em zonas características do homem). Mas mesmo esta está indicada quando esse crescimento se deve ao síndroma do ovário policístico. Outras pílulas de baixa dosagem poderão ter efeito benéfico em alguns casos ligeiros de hirsutismo. Mas se a origem do crescimento excessivo tiver outra origem o tratamento será outro. Somente um médico poderá determinar, com base em análises, qual será a sua origem e qual o tratamento mais adequado.

26-10-2011

Boa tarde! Foi-me recomendada a pílula Minigest, mas como tenho varizes já ouvi dizer que não posso tomar pílulas contraceptivas. O que é realmente verdade e o que é que devo fazer?

R:

As pílulas, de uma forma geral, contribuem para as varizes. O efeito é mais marcado para idades acima dos 35 anos, fumadoras ou quando existem outros fatores de risco para doenças cardiovasculares como colesterol elevado, excesso de peso, sedentarismo, hipertensão, etc. O uso de pílulas de baixa dosagem (de estrogénio e progestagénio), como a Minigest, diminui, mas não elimina o risco. Mas, mesmo assim, há estudos que classificam o risco dos contraceptivos orais como menores e aceitáveis comparativamente com a gravidez e o pós-parto. Na escolha da pílula ideal para cada mulher, há que ter em conta vários fatores: desde a sua eficácia à gravidade dos efeitos secundários. A escolha deve ser orientada pelo médico de família ou ginecologista.

06-10-2009

Muito bom dia.
Estou com grandes problemas com o meu couro cabeludo que sempre foi saudável.
Há uns meses para cá, ele se tem apresentado muito seco e poucos dias após a lavagem, começa a escamar e a coçar. Sintomas estes, que se estendem até à face (testa).
Após a lavagem ele torna-se vermelho. O que poderei fazer? E que problema é este?
Agradeço desde já a sua ajuda.

R:

O cabelo muito seco depois da lavagem poderá indicar  que o champô usado retira em excesso a camada gordurosa que protege o cabelo e couro cabeludo. É recomendável, nestes casos, o uso de um champô mais suave. Por outro lado, os sintomas de descamação e irritação do couro cabeludo que apresenta são característicos da caspa e dermatite seborreica. Para estas situações é indicado um champô anti-caspa. Mas atenção! Alguns champôs anti-caspa existentes no mercado são demasiado agressivos para o couro cabeludo e, ao fim de algum tempo de uso continuado, provocam irritação, comichão e mais caspa. É recomendável, nestas situações, o uso de um champô medicinal contendo sulfureto de selénio alternado com um champô suave (por exemplo de aveia) ou um champô calmante do couro cabeludo. Este tipo de champôs vendem-se, sobretudo, em Farmácias e Parafarmácias.

19-09-2009

Numa consulta de ginecologia para saber se estava tudo bem, perguntei ao ginecologista qual seria a melhor pílula para substituir a yasminelle, simplesmente por uma questão económica, visto que esta não é comparticipada... ele receitou-me a mercilon. Mas estou com algum receio em mudar por causa dos efeitos secundários e visto que estas duas pílulas não têm a mesma componente progestogénica. Gostaria de obter esclarecimento...

R:

A composição da Yasminelle® é Drospirenona 3mg + etinilestradiol 0,02mg e da Mercilon® Desogestrel 0,15mg + etinilestradiol 0,02mg. A diferença nestas pílulas está no componente progestogénio. Os progestagénios, em geral, têm muitos efeitos secundários, sendo o mais importante o tromboembolismo (que contribui para o desenvolvimento de varizes, entre outros problemas circulatórios). O desogestrel tem poucos efeitos androgénicos (ex.: crescimento de pêlos) e poucos efeitos nos lípidos (colesterol) do sangue, o que associado a uma dose baixa que se encontra na Mercilon® reduz bastante a possibilidade dos efeitos secundários mais importantes. No caso da Drosperidona, a principal vantagem deste progestagénio é uma certa atividade mineralocorticóide que reduz o inchaço das pernas e efeito anti-androgénico que pode ser favorável em casos de acne. Por isso, no caso de não ter queixas de pernas inchadas ou problemas de acne, não haverá qualquer problema na troca de pílula, com a vantagem de a Mercilon® ser bastante antiga no mercado e, por isso, muito estudada, ao contrário da Yasminelle® .
Atenção! Ao mudar de pílula é conveniente ter alguns cuidados: não fazer a habitual pausa no final da toma; ou usar preservativo nas primeiras 2 semanas se for feita alguma pausa (embora só se torne obrigatório se a pausa for superior ao normal).

16-09-2009

Boa noite.
Gostava que me esclarecesse uma dúvida, se conseguir.
Eu tomo a pílula Diane-35 e, depois de tomar uma embalagem, a menstruação devia aparecer entre 2 a 3 dias depois. Passou hoje o terceiro dia e não veio até agora. Comecei a tomar na semana passada comprimidos de Ciproterona, para controlo da pilosidade. Estes comprimidos afetam o funcionamento da pílula como contraceptivo ou podem ser o motivo do atraso da menstruação?
Eu não tive relações sexuais durante todo o ciclo, no entanto, pode ter havido algum contacto de fluidos. E começo a ter medo, porque ao tomar a pílula não é normal a menstruação atrasar.
Além disso, durante este ciclo, houve uma noite em que adormeci sem tomar a pílula, acordei no outro dia de manhã e tomei-a logo, não passando assim as 12h que se falam na bula da pílula, mas mesmo assim tenho receio.
Acha que não há riscos nenhuns de estar grávida?

R:

A toma da Ciproterona deveria ter sido iniciada no primeiro dia do ciclo (1ª dia da hemorragia) conjuntamente com a Diane-35®. Esta última serve para garantir a necessária contracepção e evitar irregularidades no ciclo. Possivelmente, a falta de período deve-se ao início da toma de Ciproterona. Uma vez que não teve relações sexuais durante o período é de excluir a possibilidade de estar grávida. A toma correta deve ser: Ciproterona  associada à Diane-35® durante os primeiros 15 dias, seguida da toma sozinha dos 6 comprimidos restantes de Diane-35® e finalizando-se com uma pausa de 7 dias.
Contudo, para dissipar alguma dúvida, poderá realizar um teste de gravidez.

09-09-2009

Olá, boa tarde! Eu tenho 30 anos e, há uma semana, descobri que tinha na pele umas bolhas vermelhas e fui ao médico que disse que era ZONA. Gostava de saber se esse vírus é perigoso e como se apanha. Obrigado.

R:

A Zona é causada pelo vírus Varicela Zoster que é o causador da Varicela em criança. Este vírus depois de infectar a pessoa aloja-se no nervo e, mais tarde, manifesta-se sob a forma de Zona. A deslocação do vírus do nervo para a pele, onde causa a erupção característica, irrita o nervo causando dor intensa, que se pode tornar crónica, sobretudo nas pessoas de idade avançada. Este vírus transmite-se muito facilmente (a taxa de infecção é de 90%) através de gotículas de saliva pelo aparelho respiratório ou diretamente pelas vesículas infectadas. A gravidade desta infecção depende da zona afetada e é particularmente grave nos indivíduos imunodeprimidos. 

02-09-2009

Diabéticos podem comer mariscos?

R:

Sim. Os alimentos que os diabéticos devem evitar são aqueles que são ricos em açúcar, como doces, refrigerantes, gelados, etc. Os outros alimentos devem ser consumidos com moderação pois, normalmente, há outros problemas associados à diabetes. O mais importante é fazer uma dieta equilibrada.

10-05-2009

Boa tarde!
 Nos últimos meses tive um aumento de peso e pensei que poderia estar grávida. Tomo a pílula e tenho tido sempre a menstruação. Já fiz 2 testes de gravidez e deram ambos negativo. Já fiz análises ao sangue e a quantidade de Beta-HCG é de 0,2 mUI/ml. Gostaria de saber se há alguma hipótese de estar grávida ou se realmente ando a comer demais. Desde já obrigada.

R:

Os valores normais de hCG (Gonadotrofina Coriónica Humana) nas mulheres em idade fértil e não estando grávidas é inferior a 5mUI/ml. No caso de estar grávida e durante as primeiras semanas de gravidez este pode atingir valores de 50000mUI/ml a 100000mUI/ml. Por isso, não é possível estar grávida. Quanto ao aumento de peso, além da alimentação desequilibrada, também a pílula contraceptiva pode contribuir para esse aumento. Neste sentido, pode consultar o médico para que ele altere a pílula e/ou aconselhe uma dieta equilibrada.

16-03-2009

1)
Gostei bastante da informação aqui colocada. Agora queria saber, como podemos utilizar o monohidrato de creatina, aconselharam-me a tomar juntamente com l-carnitine mas estou um pouco céptico em usar. Obrigado

 

17-03-2009

2)
Gostaria de saber quais são os benefícios / malefícios que podem existir pela toma regular de Monohidrato de Creatina.
Aconselharam-me a tomar conjuntamente com L-carnitine, mas não sei como o deva fazer corretamente

R:

A Creatina é um aminoácido produzido pelo nosso organismo e que, também, é obtido através da alimentação pela ingestão de carne e peixe.
As células musculares utilizam o trifosfato de adenosina (ATP) como fonte de energia na contração muscular. Nas situações de exercício intenso o ATP esgota-se rapidamente e o fosfato de creatina é utilizado para obter mais energia. Além disso, a creatina ajuda a introduzir água nas células musculares, dando volume e promovendo a síntese protéica. Por este motivo, a creatina é usada para aumentar o rendimento e o volume muscular em desportos de curta duração, como a musculação.
Mas poderá haver efeitos secundários com o uso de creatina sintética:  náuseas, diarreia, desconforto gástrico e tonturas, assim como sobrecarga do fígado e rins em doses altas ou contínuas, sobretudo, quando não há ingestão suficiente de líquidos e açúcares.
As doses recomendadas são de 3 a 5g por dia por períodos não muito longos e 20mg durante 5 dias nas situações de grande desgaste muscular. Mas é sempre necessário ter cuidados e ser vigiado por médico no que diz respeito ao estado do fígado e rins.

A L-carnitina é, também, sintetizada pelo organismo e obtida na alimentação a partir da carne e produtos lácteos.
Em termos gerais, facilita o metabolismo dos ácidos gordos, dos hidratos de carbono e aumenta a taxa de fosforilação oxidativa para obtenção de energia a nível muscular e no sistema cardiovascular.
Ao promover o desgaste das gorduras a L-carnitina tem um efeito benéfico no emagrecimento e na prevenção das doenças cardiovasculares.
Os efeitos da L-carnitina só se verificam se houver exercício físico que motive a obtenção de mais energia através das gorduras.
As doses vão desde 500 a 2000mg por dia, de manhã ou antes das  primeiras refeições do dia. Se tomado à noite pode provocar insónias.

Tendo em conta os seus mecanismos de ação, a junção destas duas substâncias não parece ser muito correta.
Se o desporto praticado é a musculação, então poderá usar-se suplementos de creatina, que poderão ajudar na obtenção de massa muscular. Mas ter sempre os devidos cuidados com a alimentação e a vigilância médica.
Se, por outro lado, faz um desporto de longa duração, como corrida ou bicicleta, e o objetivo é reduzir alguma massa gorda em excesso que se possui, então a L-carnitina é o melhor suplemento.

09-03-2009

Boa noite, gostaria de saber de alguma pomada que agisse como a nupercainal para picada de insetos. Poderia utilizar qualquer outra pomada que tivesse o cloridrato de cinchocaina, mesmo misturado com outra composição. Poderia utilizar o proctil para picada de insetos, pois tem um outro principio ativo junto. A nupercainal encontra-se em falta mesmo por encomenda. Gostaria de saber se há alguma que a substitua e seja tão boa quanto ela.

R:

O NUPERCAINAL tem na sua composição Cloridrato de cinchocaína a 1%. Este é um anestésico local antipruriginoso que é usado no alívio da dor e prurido devido a hemorróidas, mas também picadas de insetos, queimaduras solares, etc. O PROCTYL contém na sua composição policresuleno e cloridrato de cinchocaína. Além do anestésico local tem um componente bactericida e hemostático que potencia os efeitos no alívio dos sintomas das hemorróidas. Os seus usos são, sobretudo, o alívio das hemorróidas, fissuras anais e outras afecções anorretais. Mas não me parece que haja qualquer problema o uso em picadas de insetos, embora não seja esse uma das suas indicações.
Quanto a outras substâncias substitutas, está disponível no mercado a lidocaína a 5% em pomada, comercializada em Portugal com o nome de XYLOCAÍNA. Este é, também, um anestésico local potente que tem como indicações, além de outras, o alívio das picadas de insetos, sobretudo as mais dolorosas.

28-11-2008

Tenho uma amiga que lhe receitaram a vitamina com Zinc...isso e para quê? Qual o substituto em comida?

R:

O Zinco é um oligoelemento ou micromineral essencial no organismo. Entra na composição de várias enzimas que são essenciais para a manutenção das células, fortalece o sistema imunitário, acelera a cicatrização e participa na síntese do ADN. Além disso, é fundamental no crescimento e desenvolvimento e no rendimento muscular, bem como na manutenção dos níveis de testosterona.

As doses diárias recomendadas (DDR) variam com a idade e sexo. Em adultos a DDR é de 15mg nos homens e 12mg nas mulheres. Os desportistas poderão ter necessidades aumentadas.

As fontes na alimentação são variadas, mas é sobretudo na carne, produtos lácteos e ovos que se obtém as maiores quantidades. O organismo apenas absorve 20% do Zinco ingerido, pelo que há necessidade de suplementos, quando a alimentação é pobre nestes alimentos, em dietas desequilibradas e em desportistas.

07-12-2008

Será possível darem uma informação que necessito com alguma urgência.
Gostava de saber como posso limpar meu organismo das drogas que consumi ultimamente. Consumo Cannabis há uns anos, mas deixei por motivos profissionais há cerca de umas semanas! E tenho conseguido sem dificuldade! Mas vou ser sujeito a exames e tenho receio que acuse algo! Como posso limpar meu organismo mais rápido?
Em festas por vezes consumia uns riscos de cocaína, mas isso já faz muito tempo mesmo. Será que poderão ajudar-me dando a informação?

R:

A eliminação dos componentes da cannabis pela urina é lenta, uma vez que estes se ligam às proteínas do plasma sanguíneo. Em consumidores crónicos esta eliminação é mais rápida, mas mesmo assim por longos períodos.

Não existe um método rápido de eliminação dos vestígios, apesar de poder não haver sintomas de habituação.

Quanto à cocaína é provável que já não seja detectável no organismo, no entanto os efeitos psicológicos poderão permanecer por longos períodos.

O melhor mesmo é não experimentar qualquer tipo de droga.

01-08-2008

Gostava que me aconselhassem o que deve fazer devido ao problema que tenho em fazer a digestão. E também tenho muita azia e refluxo gástrico. E ultimamente devido a estes problemas tenho tido a barriga inchada.

Não faço muita ginástica, apenas vou uma vez por semana a hidroginástica, às vezes faço 10m de ginástica em casa e dou caminhadas de meia hora quando o tempo me permite. Bebo muita água fora das refeições, por dia 1,5 a 2 litros.

Fico aguardar o vosso conselho se o houver. Obrigada pela v/ atenção.

R:

Os problemas de indigestão, azia e barriga inchada poderão dever-se a vários fatores, entre eles, a alimentação (gorduras, cafeína, bebidas gaseificadas, etc.), comer muito depressa, refeições muito espaçadas, etc. Há que, primeiramente, avaliar se essas são as causas desta sintomatologia e, em caso afirmativo, procurar alterar os hábitos alimentares.

Como medida farmacológica pode recorrer-se a medicamentos anti-ácidos para aliviar a azia e anti-flatulentos e digestivos para o inchaço na barriga, que estão disponíveis nas farmácias sem necessitar de receita médica.

Em todo o caso, se os sintomas não melhorarem deve-se recorrer ao médico.

O refluxo gástrico é um sintoma mais sério e se repete com muita frequência é razão para uma visita ao médico para despistagem de um problema mais grave.

Quanto à ginástica , é fundamental o exercício físico regular e não só quando o tempo o permite. O exercício físico regular contribuí para o bom funcionamento do organismo em geral.

Beber água faz bem, ajuda no funcionamento dos rins, na eliminação de toxinas e é recomendável beber 1,5 a 2 L por dia. Mas atenção, beber água fria logo após as refeições pode parar a digestão e contribuir para a azia e indigestão.

31-07-2008

Após parto tenho necessidade de tomar a pílula para ter menstruação. Foi-me receitada a Diane 35 mas, sinto que me faz sentir "inchada" e não consigo diminuir o meu peso que devia ser menos 10kgs. Conforme divulgado pela Soc. Portuguesa de Ginecologia, existe hoje uma pílula com progesterona sintética (dienogest). Será esta pílula adequada para o meu caso?

R:

A Diane 35 é uma pílula que tem na sua composição Ciproterona 2mg e Etinilestradiol 0,035mg. A Ciproterona é um progestagénio com propriedades anti-androgénicas usado para o tratamento de doenças androgénio-dependentes. Os sintomas secundários de aumento de peso e sentir-se inchada é muito comum nas mulheres que tomam esta pílula. O médico receitou, possivelmente, pelo efeito regulador do ciclo menstrual que esta pílula tem. Mas é provável  que tenha de substituí-la por uma pílula contraceptiva pura.

O Dienogest tem, também, algumas propriedades anti-androgénicas, mas não é destinado às doenças referidas. Existe à venda, numa dose de 2mg e associado a Etinilestradiol 0,03mg e o seu uso é puramente contraceptivo. A nível dos efeitos secundários de aumento de peso e sentir-se inchada poderá ter um efeito positivo, pois a dose de estrogénio é ligeiramente inferior e o progestagénio manifesta menos efeitos de aumento de peso. No entanto, é fundamental consultar um médico especialista no sentido de orientar qual o contraceptivo indicado para a situação.

18-05-2007

Boas; Sou uma jovem adolescente, e gostaria se possível de obter algumas respostas quanto à iniciação da vida sexual. São imensas as perguntas... Mas existe uma situação que me preocupa em particular. O que se passa é o seguinte: Eu quando era muito novinha, aos 11 anos de idade, fui operada, e retiraram-me o ovário esquerdo. Provavelmente, é até absurdo o que vou dizer,... Mas gostaria de saber, se a iniciação da vida sexual, me coloca em algum tipo de risco ou em algum tipo de problema, devido a este facto. Gostaria também de saber, se posso utilizar o Adesivo contraceptivo como meio de contracepção. E se interfere em algo eu possuir uma menstruação bastante irregular. Agradecia imenso se me pudesse ajudar.

R:

Resposta à sua questão bastante pertinente: 
Desde o aparecimento da primeira menstruação e durante algum tempo, que pode durar até 3 anos, dependendo de vários fatores como clima, temperamento, estado de saúde, nutrição, etc., o ciclo menstrual apresenta alguma irregularidade devido à imaturidade da glândula hipófise e dos ovários. A extração de um ovário não origina desregulação menstrual se o outro estiver a funcionar em pleno. A irregularidade poderá dever-se a alterações anormais a nível do ovário, no útero, na glândula tiroidea, etc. Nestes casos, o uso do adesivo contraceptivo não seria o mais adequado porque não se destina ao tratamento desta desordem. O adesivo contraceptivo destina-se a mulheres em idade fértil, entre os 18 e 45 anos, e não está demonstrado o seu benefício para idades inferiores ou quando há desregulação do aparelho reprodutor. Numa situação como esta, a melhor opção é consultar o médico de família ou um ginecologista para que ele faça os exames médicos necessários e receite o método contraceptivo mais adequado. Quanto aos riscos da iniciação da vida sexual, a partir da primeira menstruação há a possibilidade de engravidar e , se for em idades precoces, poderá acarretar problemas tanto físicos como psíquicos para a mulher adolescente. Por isso, o uso de um método contraceptivo adequado é fundamental, mas deverá fazer-se essa escolha com a ajuda e aconselhamento de um médico. O início da atividade sexual acarreta, também, uma maior exposição a doenças sexualmente transmissíveis (SIDA, clamídea, herpes genital, verrugas genitais, gonorreia, hepatite B, sífilis), Nesta situação, o melhor método de proteção é o uso de preservativo. Por isso, mesmo usando um método hormonal de contracepção deverá usar-se também o preservativo em relações ocasionais. Resumindo, na escolha do método de contracepção, há muitos fatores a ponderar, sejam eles de ordem fisiológica, como a irregularidade menstrual, sejam de ordem comportamental, como as relações de risco. Em qualquer dos casos, o preservativo deve ser a primeira escolha e deixar os métodos hormonais para conselho do médico, pois só ele pode avaliar qual o mais adequado à situação.

Voltar

Doenças Infeciosas
Hepatite
Meningite
SIDA
Vacinas
Varicela
Zona




Cuidados Corporais
Cabelo
Caspa
Celulite
Pele Seca
Piolhos
Queda de cabelo


Dermatologia
Acne
Afta
Calos
Dermatite
Diarreia
Frieiras
Hematomas
Herpes Labial
Micoses
Queimaduras
Varizes

Página da autoria de Laurentino Moreira (farmacêutico) - Última atualização em 08-out-2015